segunda-feira, 31 de maio de 2010

13

O número oficial de sócios, embora pequeno, continua a aumentar. Neste momento antingimos o número mágico de 13 sócios! No próximo dia dois de Junho o Remo Clube Lusitano completa os 3 meses de existência. Foram três meses recheados de muita luta onde podemos anotar as seguintes conquistas:
- Conclusão do processo de criação do RCL
- Filiação na Federação Portuguesa de Remo
- Apresentação do (fantástico) simbolo aos sócios
- Apresentação do clube à cidade através do jornal "OSETUBALENSE"
- Establecimento de um protocolo de cooperação com a ACADEMIA MOVISPORT, para que os nossos atletas tenham mais e melhores condições de treino
- Participação na primeira regata. Com a mais valia de esta regata se ter realizado na cidade de Setúbal e de termos cortado a meta na primeira posição!
- Estreia com vitória e título nacional Campeonato Nacional de Yolle, realizado em Lisboa, em Maio!

Estes foram alguns dos nossos passos.
A curto prazo existem já planos de outro mundo!
Acompanhe o REMO CLUBE LUSITANO.

sábado, 22 de maio de 2010

Lusitano Campeão Nacional de Yolle de Velocidade

O Remo Clube Lusitano conquistou este Sábado o seu primeiro titulo nacional. O RCL esteve representado em apenas uma regata do programa "Yolle4" sénior. Constituido por Luís Alves, André Fernandes, Pedro Fernandes, Flávio Faria e o timoneiro Luís Carvalho, o RCL esteve ao mais alto nível, vencendo a prova.
video
No domingo, a mesma equipa remou os 500 metros do Campeonato Nacional de Sprint também em Yolle 4 e conquistou a quarta posição numa prova espetacular decidida apenas na última remada.

Protocolo de Cooperação Remo Clube Lusitano - Academia Movisport

O Remo Clube Lusitano conta, a partir do próximo mês de Junho, com o apoio da Academia Movisport. Desta forma, os sócios do RCL vão poder treinar na Academia Movisport usufruindo de condições especiais.

Humberto Marques, o gerente do Movisport, mostrou desde o primeiro contacto do RCL, a maior disponibilidade em apoiar este ambicioso projecto e o desporto setubalense em geral, como aliás tem sido a sua prática há já vários anos.

Actualmente, o Lusitano procura um local (mesmo que provisório) para instalar o fundamental hangar de barcos, para que seja possivel aos seus (cada vez mais) atletas e sócios, poder treinar nas águas do Sado.


sábado, 15 de maio de 2010

Campeonato Nacional de Yolle - Velocidade e Sprint

Nos próximos dias 22 e 23 de Maio em Lisboa, na pista da Junqueira, mais duas provas a contar para o Ranking Nacional de clubes. São elas, o Campeonato Nacional de Yolle de Velocidade (Sábado - distância de 2000m) e o Campeonato Nacional de Yolle - Sprint (Domingo - distância de 500m).
O Rannkig Nacional disputado actualmente por 26 clubes, é composto por 18 provas, sendo duas destas jornadas regatas de yolle e as outras 16 regatas em shell.
O Yolle é um tipo de barco com características muito particulares e distintas do shell, entre elas:
Casco: o casco do yolle é "talhado" o que significa que é construido por tabuas sobrepostas em forma de escada. Os barcos "comuns de pista" são hoje em dia de casco liso o que permite um maior deslize na água.
(Des)alinhamento de Remadores: enquanto no shell os remadores estão sentados uns atras dos outros em fila, no yolle os remadores que remam para a sota (esquerda9 estão sentados à direita da embarcação e os que remam para a voga (direita) estão sentados à esquerda, este facto acontece porque;
Aranha: ...este facto acontece porque o yolle não tem aranha (suporte de metal onde o remo está apoiado). A forqueta no yolle está fixa na falca (borda do barco)e por isso o remador tem de estar afastado deste "falso fulcro da alavanca". A esta distância chamamos alavanca interna (da ponta do punho do remo até ao local onde o remo está fixo ao barco).
O Yolle é conposto por um conjunto de remadores e um timoneiro responsável pelo barco. Aspectos como o rumo, o equilibrio do barco e as ordens dadas à tripulação devem ser controlados pelo timoneiro. Hoje em dia as tripulações de yolle podem ser de 4(+1tim) ou 8(+1tim). Em tempos passados era também comum ver formações de 2(+tim) ou tripulações com outros números...

Para o Remo Clube Lusitano esta prova tem um significado muito especial: é a primeira prova a nível nacional em que participa; é a primeira prova de yolle; é o primeiro campeonato nacional; é a primeira deslocação feita pelo RCL... e poderá ser também o primeiro ponto conquistado pelo RCL numa prova do Ranking Nacional de Clubes! O RCL estará presente na prova de Y4+H (yolle de 4 sénior).

segunda-feira, 10 de maio de 2010

O Primeiro Vencedor

Américo Charrano, sócio fundador do RCL, foi o primeiro atleta a vencer uma regata pelo Lusitano! Adicionando a esta vitória o facto da regata se ter realizado no rio onde aprendeu a remar, a vitória não podia estar recheada de mais significado. O RCL não podia deixar de ouvir as palavras deste grande atleta português. Fica a entrevista realizada por Beatriz (também ela futura grande estrela da modalidade!)...

Beatriz: Como um dos directores fundadores de o novo clube de remo, o Remo Clube Lusitano, fale-nos um pouco deste projecto.
Américo Charrano: Este projecto já esta pensado há muitos anos, quando eu deixei de remar no Clube Naval Setubalense, onde fiz a maior parte do meu percurso como remador, tendo obtido mais de trinta títulos de Campeão Nacional e alguns títulos internacionais. Após a minha saída do CNS estive parado cerca de dois anos. Durante esse período, fui contactado pelo meu amigo Júlio Amândio, ex-remador e treinador do CNS que na altura estava como treinador na Associação Académica de Coimbra. Convidou-me para integrar a equipa de remo e eu aceitei o honrado convite e remei pela Académica duas épocas, nas quais ganhei mais dois títulos de Campeão Nacional. Foi no final da época anterior que surgiu a ideia de fundar um novo clube de remo em Setúbal, a minha cidade Natal, que tem infra-estruturas de excepção para a prática da modalidade. Deste modo, pusemos mãos á obra, e assim nasceu o RCL.
B:O que é que significa o remo para ti?
AC:O remo é o desporto mais completo que existe! Comecei a remar com 11 anos, e nunca mais parei. É uma paixão que tenho! Sinto-me completamente realizado a pratica-lo. Foi esta modalidade que fez de mim a pessoa que sou hoje, que me ensinou a ultrapassar todas as adversidades e a atingir os objectivos aos quais me propus. A interacção do remador com a água é um descompressor do stress do quotidiano ao desfrutar a harmonia da natureza envolvente.
B: Como foi vencer a tua primeira prova pelo RCL e que significado teve?
AC: É óbvio, que para mim esta vitoria teve um sabor muito especial, sendo a primeira regata a serviço do nosso clube, e na minha cidade. Tendo a minha família e amigos a apoiar-me e consequentemente ver o meu amigo Júlio Amândio obter o segundo lugar, que para nós como clube, foi muito importante. Não podíamos ter tido melhor prestação!
B: Que planos têm para o futuro?
AC: Desejo que rapidamente consigamos o desejado hangar, para podermos iniciar a nossa actividade em Setúbal.
Espero poder transmitir os meus conhecimentos e vivencias aos futuros remadores que possam vir a representar o RCL e também eles conquistarem vitorias e fazerem parte desta modalidade tão enriquecedora a todos os níveis.
A senha que me norteou em toda a minha vida desportiva: “Alcança quem não cansa”, é o meu lema tanto no desporto como na vida.
Apelo aos jovens e amantes do remo para serem sócios/ praticantes do RCL para que Setúbal possa voltar a atingir a glória de outros tempos!

domingo, 9 de maio de 2010

A abrir!

Parabéns a todos os atletas por mais uma grande acção em prol do desporto!
A comitiva do RCL esteve em grande na mini maratona das familias este Domingo. Para breve a entrevista a Pedro Fernandes, que foi o segundo a cortar a meta!

(Pedro Fernandes, André Fernandes e Sergio Matos não estão na foto porque na altura em que esta foi tirada já estavam a correr para ganhar algum avanço...)
O próximo desafio do Lusitano é na água...

quinta-feira, 6 de maio de 2010

XXI Meia e Mini Maratona de Setúbal

Após a sua participação no Grande Prémio de Remo Cidade de Setúbal, o Remo Clube Lusitano estará agora presente na XXI Meia e Mini Maratona de Setúbal. Identificando-se com as causas do evento, o RCL estará representado por 13 atletas que prometem levar uma boa dose de alegria e desportivismo para a prova!

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Apresentação à cidade



Podemos considerar que esta foi a primeira apresentação do Remo Clube Lusitano. Numa excelente, notícia o jornal "OSETUBALENSE" apresenta ao público o novo emblema da cidade. Vale a pena ler!
Da nossa parte resta agradecer ao mais importante jornal da cidade e às dezenas de mensagens de apoio que temos recebido!

terça-feira, 4 de maio de 2010

Lusitano em acção

O Lusitano entrou em acção! E para quem não pode assistir aqui fica o video da prova!

http://www.setubaltv.com/stv/index.php?option=com_content&view=category&layout=blog&id=28&Itemid=100

domingo, 2 de maio de 2010

Meia e Mini Maratona de Setubal

O RCL está a planear mais uma presença num evento desportivo. Desta vez o evento é a meia maratona de Setúbal (para quem corre que se farta) e a Mini Maratona (para os mais... mais qualquer coisa). Este é um evento com centenas de participantes amantes do desporto e para nós também uma forma de divulgar o clube na cidade.
O custo de inscrição é de 5€.
A todos os interessados por favor contactem o RCL até terça-feira, através do email:

rclusitano@hotmail.com

Batismo de Regata em Grande


Foi no passado dia 1 de Maio, em Setúbal, que o Remo Clube Lusitano se estreou em regata. A prestação do RCL não podia ser melhor. Representado por dois atletas, o RCL conquistou o primeiro e o segundo lugar da prova em skiff (1x). Para surpresa dos presentes o "novo clube", como já é carinhosamente tratado, aproximou-se da linha de meta na frente, com o experiente Américo Charrano a dominar a regata, imediatamente seguido de Júlio Amândio. A completar o podium nesta regata esteve o atleta do Grupo Desportivo Ferróviário do Barreiro (GDFB), tendo ainda ficado fora das medalhas nesta prova a Associação Académica de Coimbra (AAC).
Nesta regata estiveram presentes o Remo Clube Lusitano, o Clube Naval Setubalense, Clube Naval Barreirense, Fabril, Grupo Desportivo Ferróviário do Barreiro, Ginásio Clube Naval de Faro e Clube Ferroviario de Portugal. O Remo Clube Lusitano aproveita para agradecer a todos as mensagens de apoio que recebemos ao longo do dia! Esperamos ajudar a desenvolver a nossa modalidade!